quarta-feira, novembro 18, 2009

#xuxafeelings

Um beijo para minha mãe, para o meu pai, para os meus irmãos.
Um beijo para chefe querida que faz eu me achar na profissão.
Um beijo para os amigos, em especial para você:
que me faz rir nos meus dias tristes;
que me abraça quando meus olhos pedem carinho;
que é tão diferente de mim em tudo, mas é igual na essência;
que lê meu blog como eu gostaria que todos lessem (achando que os textos são para você).
Este é "especialmente para você".

o convite

vamos juntos olhar aquilo que era pra ter sido e não foi?
vamos conversar sobre o que nós poderíamos ter feito?
vamos olhar o sucesso alheio que cresceu no meu fracasso?
com platéia variada e lugar na primeira fila.
tratar a indiferença com atenção?
desculpa, mas a resposta é NÃO.

quinta-feira, novembro 12, 2009

smell likes tpm spirit,

but is just Architecture.

segunda-feira, novembro 09, 2009

Eu queria ser uma música

As pérolas estão na moda, mas eu nunca fui de usar jóias...

Como me disseram hoje: eu sou uma "guria barata". Me ganham com uma massa com salsinha, me conquistam com falsas margaridas, me arrastam para qualquer evento grátis... Adoro andar a pé, odeio sushi, e prefiro uma cartinha a um presente. Posso viajar paro o interior e me divertir bem mais do que indo para Europa. Me hospedo na casa de desconhecidos para não gastar com hospedagem. Durmo no aeroporto se for preciso, mas, de preferência, vou de ônibus ou de carona. Compro 3 blusas por 25,00 reais e gasto só 1,30 pra almoçar.
Bah... o que foi isso? Liquidação de mim? oO hahahhahahhahahaha... NÃO!

Eu só queria explicar o nome do blog!

Em 1999 ou 2000, eu ganhei um cheque presente de CD de aniversário e não sabia por qual trocar. Então eu fui na loja com meu irmão e ele me mostrou um cd de uma tal de Jewel que ele achou que eu ia gostar. Ele mal conhecia e eu nunca tinha ouvido falar. Deve ter visto um clipe na MTV ou ouviu um hit no rádio... Até hoje não sei como ele "conheceu" ela, porque hoje se eu falar de Jewel, ele nem sabe quem é. O fato é que eu me apaixonei pelo "Pieces of You". Decorei as letras, apagava as luzes, deitava no chão (é, no chão) e ficava ouvindo. Acho até que eu inventava amores para poder pensar em alguém quando ouvia as músicas... Nenhum dos meus amigos conhecia ela, e isso só fazia eu gostar mais, sentir ela mais minha. Agora escrevendo isso, me dei conta de porque faz eu me sentir tão bem... Ela veio antes de qualquer amor. Escuto as músicas e não lembro de ninguém específico. Eu penso em mim e lembro do bem que me fez e faz até hoje ouvir as músicas. Por isso, JÓIA (em inglês, jewel).

Nada como ter um irmão mais velho! Pegando os cds emprestados do meu é que descobri Pearl Jam, Sublime, Rancid... Ele tinha 20 e eu 13. Ele meio que perdeu o bom gosto musical com os anos, mas eu vou a cada ano me apaixonando mais pelo rock! E Pearl Jam sempre foi minha preferida. Sabe, daquelas bandas que a gente nunca enjoa, que, quando se sente perdida, escuta e parece que se acha? Isso explica o show deles em PoA em novembro de 2005 ter sido o melhor da minha vida até hoje! E explica as PÉROLAS (pearl é pérola em inglês).

Esta é a explicação musical/sentimental do nome do blog! ;)

Eu queria ser uma música!
Ahhhh...
Não me pergunta por que, nem o que significa. Porque eu gosto é de imaginar que tu vais ler isto e entender. Sentir do mesmo jeito que eu. Aiiii... Eu viajo! (Que bom!)
Vem comigo?

segunda-feira, novembro 02, 2009

Faith no more

Para onde que eles foram que eu não vejo mais?
Se ao menos eu sentisse... Mas eu só sinto saudade.
Ninguém voltou pra me contar como é. Talvez porque não seja mais nada.
Hoje eu vejo mais como um sopro que apaga o fogo de uma vela do que como o caminho pra vida eterna.
Vida eterna??? Por quê? Para que? Onde? Como?
Cada vez eu me convenço mais de que tudo isso é uma fábula pra que não se pense em não existir...
É por essas e outras que eu estou pensando em fundar a Igreja Independente do Bem Viver. Nela, não é necessário um deus para se viver bem, para ter "um mundo melhor".
Os primeiros princípios principais que eu pensei são (não necessariamente nesta ordem):

- amor próprio
- amor ao próximo
- bom humor é essencial
- sexo com prazer e seguro
- não gastar muito tempo no mundo virtual
- acreditar, acima de tudo, em si mesmo
- não fazer pros outros o que não quero que façam pra mim
- a boca fala, o cu paga
- "se eu não entender, não vou responder, então eu escuto"
- não deixar as coisas para última hora
- cuidar do corpo
- ajudar o próximo, sempre que isto não vá me prejudicar
- sinceridade
- lealdade
- a única certeza é a morte
- a preguiça é um dos maiores pecados (mas acho que é bom abolir a palavra "pecado")
- fazer/ver/ouvir/tocar/viver arte todos os dias
- o trabalho deve ser prazeiroso
- diálogo
- conhecimento
- comunicação

O pão da vida é o cacetinho, é o pão-de-mel!

Terei seguidores?
@lauramfa