sábado, fevereiro 19, 2011

cuidado!

aquilo que te faz bem é, ao mesmo tempo, o que vai te fazer sentir pior.
ao não admitir que nada seja pior, automaticamente, não vai ser melhor.
e se não for melhor, vai ser medíocre. meio bom, meio ruim. meio assim... pouco para mim.