quarta-feira, novembro 28, 2012

Fim do Mundo?

É muita pretensão pensar em fim do mundo. Achar que entre todos os bilhões de anos de existência do Planeta Terra, ele vai acabar justamente agora que estamos aqui.
Pensar no fim do mundo é tentar fugir da maior obviedade da vida: a morte. Se eu não estarei aqui, ninguém mais vai estar, nada mais vai existir, tudo vai acabar... Não. Tu vais morrer, eu vou morrer, outras pessoas vão nascer, outros prédios serão construídos, algumas coisas vão acabar, outras vão surgir.
Nossa vida é o intervalo. O minúsculo intervalo entre nosso nascimento e nossa morte, na imensidão que é o Mundo.
E se pensar nisto nos faz sentir pequenos, ao mesmo tempo, faz de qualquer coisa que vivamos a coisa da maior importância.

domingo, novembro 18, 2012

dia de finados


  • "...e tu foi a primeira pessoa que me fez ter vontade de não ser as coisas ruins que eu sempre fui."